Seja bem vindo!!!!

Agora em BH mais um Espaço Cultural.

Pátio Espanhol
Gastronomia, Cultura & Escola de Dança

Avenida do Contorno, 4035
São Lucas - BH / MG


Besitos

Elisa Soares
elisasoares@patioespanhol.com.br
(31) 3324-4035 // 9991-7210

Glossário Flamenco e Musical

GLOSSÁRIO FLAMENCO



A
• A Compás: Interpretação do cante ou baile seguindo fielmente o ritmo ou cadência do estilo correspondente.
• Abanico: Leque pequeno
• Aficionado: Um entusiasta ou fã
• Afillá: Tipo de voz flamenca rouca
• Aire: Ar
• Alante: Frente do palco
• Alboreas: Uma canção de casamento cigano tocada no compasso de bulerias. Ao pé da letra, Alborea em espanhol significa Alvorecer ou romper do dia
• Andalucia: Região sul da Espanha, local de nascimento do Flamenco.
• Aros e Pendientes: Argolas / Brincos
.............................................................................................................................................


B
• Bailaora, Bailaor: Bailarina, bailarino.
• Baile: a dança
• Bata de Cola: Traje de mulher andaluza em determinadas festas, ou figurino usado por bailarinas dependendo do baile. Se caracteriza por uma saia ou vestido com cauda.
• Braceo: movimento de braços durante a dança
............................................................................................................................................. 



C
• Cabales: Pessoas muito boas no Flamenco
• Café Cantante: casa de café onde se apresentavam os primeiros shows de Flamenco. Local onde se ofereciam recitais de cante e baile flamencos. Teve seu auge na metade do séc. XIX, até sua decadência nos primeiros anos do séc. XX.
• Cajón: Caixa acústica usada por percussionistas / instrumento de percussão parecido com uma caixa de madeira oca
• Calo: língua dos ciganos da Espanha
• Cambio: Mudança.
• Campanas: Sinos.
• Cantaor(a): cantor(a)
• Cante Chico: Significa “canção pequena”. Estilo alegre, festivo ou folclórico de canções e danças.
• Cante Grande / Jondo: Significa “canção importante”. Estas são chamadas canções básicas, considerada a mais antiga forma de flamenco. Por natureza, são também “Cante Jondo”. Música mais profunda no Flamenco Geralmente os temas estão relacionados à solidão, angústias e tristezas. Destaque para a Siguiriya, Soleá e o Martinete.
• Cante Intermédio: Significa “canção média”. É uma classificação média arbitrária entre Grande e Chico.
• Cante por Fiesta: Canto alegre. Destaque para Bulerias, Tangos, Alegrias.
• Cante: canto
• Cantiñas: Uma família de formas de canção de Cádiz que inclui Alegrias.
• Carcelera: tipo de Tonás (música) cantadas pelos ciganos encarcerados
• Castañuelas ou Palillos: Castanholas.
• Colgado: Movimento do corpo, braços ou mãos que encerra o compasso de marcação rítmica.
• Colín: Bata de Cola pequena.
• Compás: Ritmo, batimento, medida. O elemento básico do ritmo flamenco. O compasso é um padrão recorrente de batimentos acentuados. Isto ordena a única estrutura rítmica de qualquer tipo de canção.
• Contra-Tiempo: Ritmo Sincopado .
• Copla: Cada poema do cante, geralmente de três ou quatro versos, e que serve de texto para as canções populares e para o flamenco.
• Cuadro: Grupo de artistas de flamenco, composto por cantores, guitarristas e dançarinos reunidos para uma apresentação.
.............................................................................................................................................


D

• Danza Mora: um estilo influenciado pelos mouros que lá viveram por quase 1000 anos.
• Desplante: Atitude ou caráter que se dá a postura final de um passo.
• Duende : Palavra que significa no sânscrito "divindade". Para os flamencos, é um estado de exaltação que se manifesta nos seu intérpretes, de modo inesperado e sem duração mensurável. A força, a alma, o espírito que inspira a arte flamenca.
..................................................................................................................




E
• Entrada: entrada do dançarino
• Escobilla (Sapateado): Parte do baile dedicada ao sapateado.
• Estribillo: estribilho, frase musical
.............................................................................................................................................


F

• Feria: Feira
• Fiesta: Festa
• Fuertes: Pesado ou Alto.
• Floreo: movimento das mãos na dança flamenca.
• Falda con Volantes: Saia de babados.
• Falseta: Frases melódicas, variação melódica que o guitarrista flamenco executa intercalando o cante. Também pode ser a introdução para um baile ou para uma seqüência de escobilla.
.................................................................................................................




G
• Gitana: Cigana
• Gitano: Cigano
• Granadinas: A Palavra Indica 'Algo que veio de Granada'.
• Grande: Importante
.............................................................................................................................................


H

• Hondo: fundo, das profundezas
............................................................................................................................................. 



J
• Jondo: variação do hondo, mais associado a dança flamenca
• Jaleo : Acompanhamento do cante com palmas, gritos de incentivo, exclamações, etc. Usado nos estilos festeiros. Exemplos: anda, eso, así se baila, toma que toma, que guapa, vamo ya e viva Dios.
• Juerga: Festa flamenca onde cantaores, tocaores e bailaores colocam em prática suas artes.
............................................................................................................................................. 



L
• Latigo: Forma de produzir um som arrastado do pé ao solo; Escovar.
• Letra: Parte cantada da música, verso de uma música.
• Llamada : chamada: movimento da dança sinalizando mudança. Se utiliza como sinal para que o cantaor comece a cantar
.............................................................................................................................................



M
• Mantilla: Manto usado na cabeça, geralmente de rendas.
• Mantocillo: Mantón pequeno (formato de um quadrado).
• Mantón: Xale grande de seda com franjas.
• Moño: Coque (penteado)
• Marcaje (Marcação) - Determina a ação de marcar. É utilizada para marcar a letra do cante.
.............................................................................................................................................


P

• Palmeros: Pessoas especializadas em "tocar" palmas. Geralmente são de origem cigana. As palmas dão a base rítmica para os bailaores e músicos.
• Pantalones: Calças compridas.
• Peineta: Pente pequeno, usado como enfeite nos penteados.
• Peinetón: Peineta grande.
• Peña: Associação de aficcionados pelo flamenco; uma reunião de pessoas envolvidas ou somente interessadas pela arte do flamenco.
• Pericón: Abanico grande.
• Pico: Xale triangular.
• Pitos: Estalar de dedos para marcação do ritmo, estalos de dedo usados para acompanhar a música e a dança flamenca.
• Palillos: Castanholas
• Paseíllo (Passeio): Determina a ação de passear. Se utiliza na salida e na letra do cante, para unir as diferentes partes dos bailes e para tomar tempo entre as partes. Predomina a utilização dos braços e pode vir acompanhado de marcações do ritmo com os pés
.................................................................................................................




Q
• Quejío: lamentação
.............................................................................................................................................


R

• Rasgueado: Técnica empregada pelos guitarristas flamencos onde as cordas do violão se roçam de baixo para cima usando todos os dedos. Técnica de dedilhado.
• Rebote: Salto pequeno executado antes de certos golpes dos pés no solo.
• Ritos: Rituais.
• Remate (Arremate): Determina a ação de arrematar (enfatizar) um movimento ou uma combinação de movimentos. É utilizado para dar ênfase à queda do cante, nos momentos em que o cantaor respira e para finalizar uma seqüência de passos. Está constituído de diferentes e expressivos movimentos que incluem fortes sons de pés.
• Redonda: Voz flamenca
.............................................................................................................................................



S
• Saeta: Estrofe de ritmo flamenco sobre temas sacros que uma só pessoa canta sem acompanhamento musical em eventos religiosos, especialmente durante as procissões da Semana Santa.
• Sombrero: Chapéu
• Salida: Entende-se por Salida, a primeira participação do cantaor, tradicionalmente é um lamento sem letra, a principal função da Salida é o cantaor entoar a voz preparando-a para a copla.
.............................................................................................................................................


T

• Tablao ou Taberna: Estabelecimentos como Bares e Restaurantes, onde se podem apreciar apresentações de flamenco. Os tablaos são os sucessores dos cafés cantantes.
• Tocaor: guitarrista flamenco
• Tacón: salto do pé, parte do pé em movimento
• Taconeo: sapateado flamenco
• Tonas: música "básica" no flamenco, a mais antiga conhecida.
• Toque: toque de guitarra flamenca
............................................................................................................................................


Z 
• Zapateados: sapateado bastante elaborado, com velocidade, alternando um ritmo mais lento, sendo que logo após acelera-se novamente


>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>


GLOSSÁRIO MUSICAL



Acento: O modo como a ênfase rítmica é aplicada aos tempos do compasso musical.


Andamento: Indicação da velocidade em que uma peça musical ou trecho dela deve ser executada.


Altura: Característica do som que os diferencia em graves ou agudos.


Arranjo: Adaptação de composição para um instrumento ou grupo de instrumentos diferente do pretendido pelo compositor.


Contratempo: Omissão de notas nos tempos fortes do compasso ou nas partes fortes do tempo.


Compasso : Unidade métrica que esta dividida uma peça musical, constituída de tempos agrupados. (Compasso binário, ternário, quaternário, 12 tempos)


Dinâmica: Ligada a intensidade. Dinâmica de sapateado, por exemplo, varia de frado para forte.


Harmonia: Aspecto da música onde se estuda a combinação de notas soando simultaneamente.


Melodia: Sucessão de notas formando um desenho característico e, por sua vez, um padrão rítmico e harmônico reconhecível.


Pulsação: Conjunto de pulsos regulares, ou seja, marcas ou batidas espaçadas igualmente no tempo. Em outras palavras é um fluir regular no tempo.


Ritmo: O Ritmo é determinado pelo modo como as notas são agrupadas em compassos, pelo número de tempos em um compasso e pelo modo como os acentos recaem sobre os tempos.
Corresponde a uma característica básica da música, assim como a melodia, a harmonia e o timbre.


Síncope: Deslocamento do acento rítmico normal do tempo forte de um compasso para outro que usualmente te batida fraca. No flamenco diz-se sincopado.


Tempo: Duração regular do tempo físico transcorrido entre um pulso e outro. O primeiro pulso coincide com o inicio do primeiro tempo. O Segundo pulso, simultaneamente, determina o final do primeiro tempo e o inicio do segundo tempo e assim por diante.
Cada um dos momentos em que se divide o compasso. Há compassos de dois tempos (binários), três tempos (ternário), quatro tempos (quaternário), assim por diante. No interior do compasso há tempos mais acentuados que outros (tempos fortes).


Tercina: Grupo de três notas de igual valor de tempo, tocado no tempo de duas notas.


Volume ou Intensidade: Característica dos sons que os diferencia em fortes ou fracos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário